1954

Firmino A. Canhoto inicia aprendizagem de Marcenaria Artística.

1961

Abre o seu atelier no Monte de Caparica, Almada.

1979

Transfere o seu atelier para as actuais instalações, em Livramento, Mafra.

1984

Dá inicio a uma série de exposições realizadas por todo o país e alguns países da Europa, onde mostra as suas obras.

Até à presente data, o Atelier de Móveis D'Arte Canhoto, tem estado sempre presente nas mais conceituadas exposições de feiras de arte em Portugal e em vários países da Europa, onde habitualmente fazem demonstrações ao vivo dos seus trabalhos.

1988

Descobrindo que seu filho, João Canhoto, desde os seus primeiros passos no atelier, tinha aptidão para a profissão, convida-o neste ano para começar a colaborar consigo.

1994 a 1999

Mestre Firmino A. Canhoto e João Canhoto, dão aulas de Marcenaria Artística na Escola Superior de Conservação e Restauro, a convite da directora dos museus e palácios nacionais, Dr.ª Simoneta Luz Afonso.

2000

É executado no atelier, um quadro representando a Cova da Iria para ser oferecido a S. S. João Paulo II.

2001

Seguindo os passos de seu pai Firmino A. Canhoto e de seu irmão João Canhoto e após ter frequentado alguns cursos e formações da área, Carla Canhoto começa a trabalhar no atelier.

2008

​Participação no restauro do Órgão Histórico da Paróquia de S. Pedro dos Grilhões, de Azueira, Mafra.

2006

​Foi atribuído mediante selecção nacional, pela Comissão Nacional para a Promoção dos Ofícios e das Micro-empresas Artesanais, Carta de Unidade Produtiva Artesanal e Cartão de Artesão, a cada um dos elementos do atelier.

2007

A delegação dos Armazéns Harrods (Londres) escolhe o atelier Móveis D'Arte Canhoto para exporem os seus móveis no seu Armazém, onde obtiveram bastante sucesso.

2009

Participação no restauro dos 6 Órgãos Históricos da Real Basílica de Mafra.